AÇORES EDITION — EPISÓDIO III: ILHA VERDE, AREIA PRETA

Na última visita à Ilha de São Miguel, a praia de Água D’Alto de braços abertos. O dia estava cinzento e as ondas pequenas. Mas estávamos só nós e um grupo de surfistas locais.

Quando faço surf fora de casa, tenho uma regra simples, a mesma que gosto que tenham quando estão a surfar na minha praia: respeito os locais! Por isso, embora as ondas estivessem melhor à esquerda da praia, os “balanços” mais a meio da praia deixaram sorrisos no rosto.

São Miguel
Momento Zen antes da surfada
São Miguel
Dropinar o namorado não conta… 😉
São Miguel
Às vezes, as ondas pequenas valem tanto como as maiores
São Miguel
Missão cumprida!

A próxima paragem nesta viagem foi à praia principal da Ribeira Grande: o grande areal de Santa Bárbara.

Infelizmente, não tenho fotos da sessão, mas ninguém me tira da mente as quase duas horas que estive dentro de água, a rir em cada onda que apanhava. A voltar com toda a certeza.

E já disse que a água nos Açores é quente?… pois… 🙂

Picámos mais uma onda nesta ilha açoreana — os Mosteiros. Aqui fiquei à margem, mas tive representação condigna. 😉

São Miguel
Os Mosteiros são muito procurados na época alta… ainda bem que fui fora de época! 🙂
São Miguel
Posição certa, no momento certo
São Miguel
Até os que ficam fora de água não resistem à paisagem
São Miguel
Dentro de água com um cenário destes…

Conhecem mais alguma praia digna de pôr a prancha dentro de água nos Açores? Deixem a dica nas caixa de comentários!

🌊

Vai também gostar de ler:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: