Fui a Roma e experimentei um Airbnb!

Airbnb Trastevere

Há muito que andava para experimentar um alojamento Airbnb. As referências que tinha de amigos eram positivas, por isso, achei que a minha viagem a Roma seria também marcada pela minha primeira experiência com uma estadia agendada através do popular portal.

O primeiro passo era escolher o local onde queria ficar. Como não conhecia nada da cidade, pedi conselhos a uma amiga romana sobre a melhor zona para ficar a dormir. A recomendação: Trastevere!

Airbnb Trastevere

“É uma espécie de Bairro Alto [de Lisboa]!”, disse-me ela, um sítio com muito charme, animado e com bons restaurantes.

Pus-me logo a fazer pesquisas na aplicação e muitas opções surgiram.

Desde logo entendi que as fotografias são cruciais para quem disponibiliza um alojamento. A verdade é que as descrições podem ser boas, mas as imagens são logo um dos aspetos que me levam a continuar a ler ou a desvalorizar a oferta.

O segundo ponto incontornável é o preço. Há de tudo no Airbnb, mas depende muito do que temos para gastar e que características não podemos abdicar. No meu caso, e porque a estadia ia ser de apenas três dias, quis uma casa só para mim, com tudo o que tinha direito.

Airbnb ao estilo italiano

Foi então que encontrei um pequeno apartamento, em Trastevere, com um aspeto minimamente decente, a um valor que não fazia mossa no meu orçamento — Roma não é propriamente barata, por isso, não é fácil achar alojamentos razoáveis a preços simpáticos.

O nosso anfitrião era o Francesco, mas foi o Daniele que nos recebeu, um italiano super simpático, que apesar de pouco falar inglês, conseguiu explicar-nos tudo sobre o apartamento e até dar-nos umas dicas sobre a melhor zona para irmos comer.

Quanto ao apartamento, em nada desiludiu em relação às imagens que vi na aplicação. Nada de luxos, mas tudo limpo e, acima de tudo, numa zona super sossegada.

Airbnb Trastevere

Na realidade, não podia ter estado numa melhor localização: a dois passos do centro mais agitado de Trastevere, com os melhores restaurantes que encontrei em Roma, e com acesso a pé a todas as principais atrações. Claro que ainda tinha que andar um pouco, mas a cidade é linda e, afinal, há que queimar as calorias de tanta pizza e pasta!! 😉

E vocês, já ficaram alguma vez alojados num Airbnb? Onde foi? O que acharam? Partilhem tudo na caixa de comentários em baixo.

Nota da Surfer Girl: Este artigo não tem qualquer patrocínio ou apoio por parte do Airbnb ou do alojamento onde estive. Simplesmente foi uma agradável experiência que quis partilhar convosco!

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

Vai também gostar de ler:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: