Diz-me que surfista és, dir-te-ei que país surfar!

Melhores destinos para surfar

Vamos ser honestos. O que não faltam são praias por este mundo fora para surfar. Mas há uns países mais indicados que outros para pôr a prancha dentro de água.

Pensei nos diferentes níveis de surfistas que existem e os locais mais indicados para cada tipo. Na verdade, existe um sem-número de sítios, porém resumi este top a dois países por cada segmento. Se tiverem curiosidade por outros locais que não menciono aqui, é só dizerem que terei todo o gosto em vos falar deles. 😃

Surfar Pela Primeira Vez

SRI LANKA

Surfar no Sri Lanka
O Sri Lanka é cheio de surf spots para todos os níveis.

Visitei o Sri Lanka no ano passado e logo, logo reparei que aquele é o verdadeiro paraíso para os rookies! A água é quente, o fundo maioritariamente de areia e as ondas não têm muita força. Perfeito para quem quer aprender a fazer surf ou está a dar os primeiro passos.

Na costa sul, entre Ahangama e Mirissa, quase todas as praias são boas para ir experimentar e o que não faltam são surfcamps com aulas para poder frequentar.

Aqui pode ter o pacote completo: praias de sonho, ondas divertidas, pessoas incríveis e uma cultura muito rica que vale a pena conhecer.

MARROCOS

Surfar em Marrocos
Taghazout é um paraíso para quem quer começar a surfar. Photo: ©Eelke

Ao sul de Marrocos, perto da cordilheira do Atlas, a vila de Taghazoute é um local de eleição para quem vai surfar pela primeira vez.

A região começou a ser conhecida nos anos 60 e 70 por ser um destino de eleição para a comunidade hippies que para ali fugia durante os meses de inverno europeu. É que por estas bandas raramente as temperaturas descem abaixo dos 22 graus nos meses mais frios.

Hoje Taghazoute vive em grande parte do negócio do surf e é muita a oferta em termos de alojamento e de aulas. E, vamos ser sinceros, quem diz não a uma surftrip que meta ondas divertidas, tagines, hamams e souks? 😉

Isto já é mais para mim!

PORTUGAL

Surfar na Ericeira
Embora Portugal tenha ondas para todos os níveis, há alguns locais que carecem já algum conhecimento.

Já para quem faz surf há algum tempo ir para destinos onde a maioria do crowd dentro de água são aprendizes pode ser o verdadeiro pesadelo. Daí que Portugal seja o destino que faça mais sentido.

A linha de costa portuguesa é vasta e se fugir das principais cidades ou surfspots conhecidos pode muito bem encontrar praias quase desertas e com ondas para experimentar.

Mas se o crowd não lhe faz confusão, então o que não faltam são spots de surf incríveis, como a Ericeira, que é Reserva Mundial de Surf, a Costa Alentejana ou a região de Peniche.

O país guarda ondas para todos os níveis e a hipótese de encontrar uma que se enquadre ao seu surf é muito elevada.
Depois, a gente é maravilhosa (cof, cof… 😉 ), o país é lindo e a comida incrível.

COSTA RICA

Surfar na Costa Rica
O lema do “Pura Vida” aplica-se dentro e fora de água na Costa Rica. Photo: ©Chris Goldberg

Um país que usa como lema de vida o “Pura Vida” já diz tudo. O ritmo aqui é descontraído e as ondas também… ou pelo menos qb, já que há alguns spots por estas bandas que requerem alguma perícia.

O surf na Costa Rica faz-se do lado do Pacífico e o que não faltam são surf spots, cada um mais conhecido que o outro.

A maioria são fundos de areia e de ondulação consistentes. De Playa Naranjo, mais conhecida como Witch’s Rock, a Pavones, uma das esquerdas mais compridas do mundo, pode andar pela Costa Rica a surfar ondas diferentes todos (ou quase todos) os dias. Isto já para não falar de toda a beleza natural em que muitas delas estão envolvidas.

Agora, sim, vamos surfar a sério!

INDONÉSIA

Países para surfar
Nas Mentawai as paisagens são de sonho, e qualquer onda apanhada, como esta que fiz em Burger World, torna-se inesquecível!

É uma das mecas do surf mundial e não é para menos. Na Indonésia vai encontrar as melhores ondas do mundo! Apesar de haver uns meses melhores que outros, aqui muito possivelmente vai fazer as ondas da sua vida!

Mas, atenção, que a maioria das zonas de surf requerem alguma perícia. Sim, é possível viajar para Bali e aprender lá a fazer surf. Mas isso também consegue fazer em outras partes do mundo.

A Indonésia é o local ideal para pôr-se à prova e superar os medos… ou então ir para casa com um corte a mais ou dois… ou três.

Existem ilhas com ondas mais fáceis que outras, mas o principal destino para quem já procura outro nível de surf são as Mentawaii.

As ondas são várias: ebay, pitstops, burgerworld, hideaways, bang-bang, playground, etc, etc, etc… haja bracinhos e coragem para surfar todas.

Se for para as Mentawaii saiba que vai passar os dias todos a surfar, uma vez que as ilhas não têm outras atrações. Mas depois de horas e horas dentro de água, tenho a certeza que a única coisa que vai querer fazer é estender-se numa espreguiçadeira e beber uma bintang.

TAHITI

Surfar no Tahiti
A onda de Teahupoo é umas das mais belas do mundo… mas também uma das mais assustadoras. Photo: ©Duncan Rawlinson

Imagine uma das ilhas mais bonitas que já viu na vida. Agora desenhe na mente uma das ondas mais perfeitas que alguma vez vai poder surfar. Isso é Teahupoo, no Tahiti.

Por norma a onda ronda os 2 a 3 metros e não se quer menor que isso, uma vez que quebra sobre uma bancada de coral afiado. Mas não é raro que o tamanho das vagas cheguem até aos 7 metros, muitas vezes exigindo o auxílio de tow-in.

Os drops são para muitos quase impossíveis e requerem muita, muita velocidade. Mas fazer uma boa onda aqui pode significar apanhar o tubo da sua vida.

A viagem não é barata, nem a estadia e muitas vezes terá que alugar um barco para chegar ao pico. Por isso, comece já a fazer o mealheiro!

Os melhores destinos para surfar

Gosta do post? Faça pin!

NOTA de Editor: Todos os países que mencionei acima têm praias para todos os níveis. Dizer que o Sri Lanka só tem praia para aprendizes ou que as Mentawaii são só para experts era estar a enganar-vos. Contudo, a tendência geral é aquela que refiro em cada um dos segmentos. 😉

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

GuardarGuardar

Vai também gostar de ler:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: