TASCA MARIA FAIA — OÁSSIS GASTRONÓMICO NA BEIRA BAIXA

Em pleno Parque Natural do Tejo Internacional, numa pequena localidade chamada Malpica do Tejo, vai encontrar a Tasca Maria Faia. Um verdadeiro altar de manjares típicos da região da Beira Baixa.

Percorrendo a estrada que passa pelo parque natural, chegamos a Malpica do Tejo, uma pequena vila perdida no meio da Beira Baixa. Ou será do Alto Alentejo? Aqui torna-se difícil saber onde uma região acaba e outra começa. A paisagem e os sabores misturam-se. Mas quanto aos últimos, já lá vamos e posso dizer que são mesmo das beiras.

Não há muito para percorrer porque o local é pequeno, por isso achar a Tasca Maria Faia não deverá ser difícil.

E se por fora podemos crer que vamos entrar numa típica tasca, no interior encontramos um espaço renovado, que respeita caraterísticas populares, mas sem deixar passar alguns traços de modernidade.

O nome da tasca, “Maria Faia”, vem de uma das músicas recolhidas pelo cantor Zeca Afonso em Malpica do Tejo.

Para a mesa pedimos uns lagostins do rio, uma das sugestões da casa. Do Tejo, como não poderia deixar de ser. E por menos de 5 euros serviram-nos uma travessa cheia deles e deliciosos. Cozidos, deixando o sabor por si só conquistar.

Feitas as introduções, a mesa recebeu de braços abertos o Lombo com Castanhas e o Guisado de Veado com Frutos Vermelhos, servido com rodelas de pêssego e compota de framboesa, o que corta o sabor forte da caça.

Feitas as contas e com vinho, sobremesa e café à mistura, o valor final rondou os 15 euros por pessoa. Uma pechincha tendo em conta a qualidade do que foi servido.

E já que está na região, que tal um passeio de barco pelo Tejo? Saiba que este é o local perfeito para a observação de aves de rapina. Informe-se no restaurante.

Tasca Maria Faia

Gostou da dica? Guarde o Pin!

🍴

 

Vai também gostar de ler:

21 comments

  1. Opá tasca mais acolhedora! Adoro esses sítios, é tão Portugal, não achas? O unico senão é que normalmente não estão preparados para vegetarianos e acabamos por comer uma sopa ou assim. A comida tradicional portuguesa é à base de peixe e carne e por isso não podemos pedir muito 😛

  2. Nossa Marlene! Me deu água na boca essas pratos. Amo a culinária Portuguesa. Eu vou pra Portugal no ano que vem, são tantas dicas que acho que preciso ficar uns 2 meses par conhecer tudo! Será difícil escolher o roteiro!! Abraços Renata

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: